• Mayara Labs;Miriam Furlan

Sem título



Aprendemos que “cabelo bonito é cabelo liso”, então escondemos nossos cachos como se fossem criminosos da beleza...

Aprendemos que “homem que é homem” não faz balé, então passamos a vida sem nos expressar através da dança...

Aprendemos que há “mulher para casar”, então passamos boa parte da vida tratando as que “não são para casar” como lixo...

Aprendemos que “gordurinhas a mais” não devem ser exibidas, então nos escondemos sob roupas que não chamem atenção, quando na verdade, gostaríamos de usar aquele lindo vestido florido que vimos na vitrine...

Aprendemos que homem gosta é de futebol, de cerveja e de outras “coisas de macho”, então vestimos máscaras e engolimos nossa frustração por não poder ser quem gostaria...

Aprendemos que “lugar de mulher é em casa”, então matamos o sonho de ter independência financeira...

Aprendemos que “moleque de rua é tudo tranqueira”, então fingimos que não conhecemos a triste realidade desses menores...

Aprendemos que temos que ter um parceiro, então nos enganamos em relacionamentos tóxicos onde cada vez mais vamos perdendo o gosto pela vida...

Aprendemos que a vida é linear e que tem uma sequência obrigatória de acontecimentos, então deprimimos quando nossos planos não saem no “tempo certo”...

Aprendemos que determinada faculdade “não foi feita para pobres”, então nos contentamos com um curso que consiga nos manter no mesmo meio de quem fez a “faculdade de rico”...

Aprendemos que sempre haverá retaliações, então nos calamos diante de injustiças...

Aprendemos que fazer terapia “é coisa de doido”, então enterramos nossas angústias e continuamos a vida...

Esperamos que em 2018 você desaprenda tudo que te limita e impede de viver uma vida plena.

#reflexão #pensar #desaprender #apreciar #limites #superação

0 visualização